Pesquisar este blog

Follow by Email

Postagens populares

sexta-feira, 30 de janeiro de 2009

Patrick Swayze, ele é como o vento...


O ator Patrick Swayze desistiu do tratamento médico contra o câncer. O ator de 56 anos disse que tomou esta decisão depois de que os médicos disseram que haveria muito pouco que poderiam fazer.

Ele foi diagnosticado apenas um ano atrás de câncer de pâncreas, uma das mais fatais formas da doença. A maioria dos pacientes vive menos de seis meses depois de ser diagnosticado com este tipo de câncer.

Um amigo da família afirmou que o objetivo é manter Patrick Swayze confortável, que sua condição é inoperável e que ele parou com a quimioterapia. Ele ainda está perdendo peso e está muito fraco.

O amigo disse: “Patrick se vê como um cowboy e está determinado a morrer usando suas botas e sem arrependimentos.”
Em uma entrevista no começo deste mês Patrick afirmou desejar viver mais cinco anos, mas de acordo com as estatísticas teria apenas mais dois anos. “Há mais coisas que eu quero fazer. Eu quero viver até que eles encontrem uma cura”, disse o ator na entrevista.

Ele também afirmou: “Sim, estou com medo. Sim estou com raiva. Sim estou (me perguntando) ‘Porque eu?’”
Mesmo sabendo da doença durante as filmagens ele se recusou a parar de filmar a série de TV chamada “The Beast” e também não aceitou tomar analgésicos, pois poderiam afetar sua performance. A série estreou nos EUA nesta semana.

No ano passado um professor universitário morreu da mesma doença que acometeu Patrick Swayze. Randy Pausch ficou famoso pelo grande otimismo que mostrou em sua “última palestra” antes de morrer quando vivia uma situação muito similar a de Patrick Swayze. Sua palestra ficou famosa no Youtube.

quinta-feira, 29 de janeiro de 2009

Toda a verdade sobre "chegar lá"















Muitas coisas que podemos considerar absurdas se esclarecem à luz dos estudos detidos que levam a descobertas científicas. É claro que elas não estão sempre certas, pois precisam de confirmação através de um corpo de evidências alcançado com outros estudos, mas não deixa de ser muito divertido e talvez útil em certas situações.

Abaixo seguem vinte destes fatos. Alguns curiosos, outros absurdos e um e outro que podem parecer estarrecedores sobre a sexualidade humana.


A Melinda deve ser a mulher mais sortuda do mundo
Homens ricos proporcionam mais orgasmos à suas parceiras, segundo cientistas britânicos. Quanto mais rico é o homem, mas frequentemente sua parceira alcança o orgasmo.

As mulheres conseguem atrair os homens mais quando vestem roupa vermelha: eles expressam mais carinho e acham ela mais bonita, segundo um estudo realizado na Universidade de Rochester, nos EUA.
O sexólogo alemão Rolf Degen conduziu uma extensa pesquisa para descobrir a duração média de um orgasmo em humanos. A média de tempo do orgasmo feminino dura 1,7 segundos e do masculino 12,4s. Portanto a mulher passa cerca de 1h24s durante toda a sua vida no maravilhoso estado de êxtase e o homem experimenta 9h18s de orgasmo no total. A pesquisa alemã contradiz a opinião popular que indica que o orgasmo feminino é mais longo que o masculino.

Tire suas próprias conclusões
É possível saber se uma mulher consegue alcançar orgasmos vaginais apenas pela maneira que anda.

Tomar anticoncepcional faz com que as mulheres escolham os homens errados, pois perdem a capacidade de “farejar” aqueles mais compatíveis com ela.
41% dos homens russos que responderam um questionário da Playboy russa disseram que gostam de gozar quando recebem sexo oral.
Um novo estudo descobriu que a propensão para a ejaculação precoce é determinada geneticamente e não tem, necessariamente, causa psicológica.

Esquentando o pezinho
A mulher tem 30% mais chances de alcançar um orgasmo se seus pés estão quentes, de acordo com uma pesquisa holandesa feita pela Universidade de Groningen. Parece que usar meias durante o sexo não é prerrogativa exclusiva dos homens. Um ambiente psicológico confortável é muito importante também.

Um britânica vive entediada com a própria vida sexual, pois tem cerca de 200 orgasmos todos os dias. Até mesmo o barulho de um secador de cabelos a faz subir pelo teto.
86% dos homens disseram que gostam mais do sexo se suas parceiras são intelectualmente inferiores a eles. Mulheres disseram que tem mais chances de alcançar o orgasmo se fazem sexo com um homem que é intelectualmente superior a elas.
Um novo tratamento que consiste em uma injeção de colágeno que aumenta o tamanho do ponto G fez com que uma paciente passasse a ter orgasmos múltiplos constantes que duram horas.
O esperma é capaz de cobrir a distância de até 1,5m enquanto voa à velocidade de 45km/h.
Contrariando a noção popular popular e também de muitos especialistas um estudo descobriu que as preliminares não são importantes para o orgasmo feminino.

Feliz é quem me diz
Homens que alcançam orgasmos regularmente riem e sorriem 2,5 vezes mais do que aqueles que não o fazem, de acordo com cientistas franceses.

Quase 70% das mulheres já fingiu orgasmos porque não querem que seus parceiros sinta-se mal por não conseguirem fazê-las chegar ao ápice.
Mulheres que gozam com freqüência têm níveis menores de ansiedade, dormem melhor e tem um vocabulário mais extenso.
Mais de três a cada cinco mulheres com nível superior tem dificuldades de alcançar orgasmo, enquanto este número é de apenas 38% nas mulheres apenas com o secundário. Quanto menor for a educação melhores os orgasmos femininos. Cientistas canadenses e alemães descobriram que 55% das pessoas com diplomas universitários raramente tem orgasmos, enquanto 70% das mulheres da mulheres que nunca chegaram ao segundo grau não têm nenhuma reclamação.
Cerca de 17% das mulheres conseguem experimentar orgasmos múltiplos que duram entre 20 e 30 segundos.
O efeito “virar para o lado e dormir” que comumente atinge os homens depois do sexo não é uma tentativa de evitar o comprometimento, carinhos e conversas. Depois do orgasmo os homens produzem um coquetel poderoso de neurotransmissores e hormônios que os colocam para dormir imediatamente.
As mulheres ficam com a voz mais sensual no período fértil e tendem a usar roupas que expõe mais o corpo, possivelmente aos olhos masculinos. [NFR, G1]

quarta-feira, 28 de janeiro de 2009

MAMOGRAFIA

ATENÇÃO!
MAMOGRAFIA É UM ATO DE AMOR Á SI MESMA!




















pijama


tá bommmmmmmmmmmmmm, pra não reclamarem que só coloco foto de homem no meu blog (meu namorado reclamou...) ai vai uma foto de mulher, não por acaso, ela é modelo Victoria's Secret e está usando o pijama que eu quero!!
P.S.: Estou numa fase Victoria's Secret...

12 coisas que um homem nunca deveria dizer a sua esposa



1. "Burra!". Nem se ela for loira, deve o marido vociferar dessa forma. Até as incultas se chocam quando sua intelectualidade é posta em evidência. Dizem que Adão perguntou: Por que o Senhor fez a mulher tão linda e tão burra? A resposta: Linda para você a desejar e burra para ela te desejar!

2. "Tu tá ficando velha!". A idade é tabu para todas as mulheres, depois dos 18 anos. Dizer que sua esposa está envelhecendo é afirmar o óbvio, mas que atinge em cheio a estima dela. Para a maioria delas, a velhice é como uma doença infecto-contagiosa.

3. "Detesto tua família". Quando uma mulher ouve isso, entende assim: "eu detesto a tua raça!" É impossível dissociar a mulher de sua família. Por causa do instinto materno, ela vira mãe, irmã e tia de seus familiares.

4. "Pra quê você quer dinheiro?!" Se ela pediu, dê ou dê uma explicação porque não deu. Para as mulheres, receber dinheiro do marido é prova de amor. Um homem que dá dinheiro, mesmo sem a esposa pedir, sobe dois pontos na escala de valores feminina. Negar, equivale a cair seis.

5. "Mato e morro pelos meus filhos!" Ela escuta essa frase assim: "pelos meus filhos tudo, por você não vou tão longe. Quer saber? Não te amo mais!" Não existe marido inocente. Muitos proferem esta frase querendo dizer o que elas entenderam, mesmo! Infelizmente, todo homem sabe como ferir uma mulher.

6. "ZZZZZZZZZZZZZZZZ" Uma das coisas que mais deixa uma esposa furiosa é ela conversar, conversar, conversar e ver o marido perder o interesse, bocejar sucessivas vezes... e pegar no sono! "Você não entende minhas necessidades. Grosso!", exaspera-se ela. "Deixa disso, mulé..." – vira-se e volta a dormir. O pior é que a gente costuma fazer isso também depois do sexo. Imperdoável!

7. "Me arrependi de ter casado com você!" Golpe baixo. Quando um casamento vai mal ou nunca deveria ter acontecido, o problema é dos dois – a culpa não pode ser debitada na conta dela, somente. Considero essa uma das frases mais infelizes. Um homem deve se portar como... HOMEM! Com brio, com dignidade, assumindo responsabilidades.

8. "Não me sinto mais atraído por você!" O tempo vai fechar... Tudo que uma mulher mais preza num relacionamento é manter seu esposo atraído emocional, psicológica e sexualmente. Não atingir tal meta equivale à morte da alma feminina. Se o sexo tá ruim, saia da rotina, esse definitivamente não é o caminho certo para apimentar a relação.

9. "Mamãe cuidava de mim melhor!" Mãe, geralmente, cozinha melhor que esposa e cuida do filhinho quando adoece com mais ternura. A questão maternal, entende? Mas, quando você casou estava procurando outra mãe ou uma "mulher e amante"? Abra o olho: não faça comparações injustas, nem com sua esposa nem com sua mãe!

10. "Eita, esqueci!" Você esqueceu a data do aniversário dela, a data de aniversário do casamento de vocês, tá louco?!!! Serão dias e dias de indiretas, grandes períodos de silêncio, olhar fulminantes, fungados de choro... Decore, por favor, essas duas datas, mais importantes que as datas de feriado nacional – e compre presente!

11. "Minha ex era melhor!" Fujam todos... Um idiota deflagrou a III Guerra Mundial!

12. "Tu tá ficando gorda!" Todo mundo sabe que toda mulher acha que está sempre com dois quilos a mais. Chamar uma mulher de gorda é humilhação que pode jogá-la num abismo de depressão. Evite essa frase como o diabo evita o nome de Jesus,

quarta-feira, 28 de janeiro de 2009


Essa foto é de um estojo de maquiagem Victoria's Secret que comprei... Luxo. Eu mereço! Hoje já é quarta (finalmete, pra sexta falta pouco, eba!!)

terça-feira, 27 de janeiro de 2009

PEPSI






E otras "cositas" mais...

Aviso sobre Produtos Chineses





Talvez seja importante conhecer um pouco o que se passa sobre este tema da "MELAMINA " na alimentação

1. O que é realmente o leite envenenado de que se ouve falar?
É o leite em pó, misturado com Melamina
A Melamina é um químico industrial usado na produção de plásticos.

Também é utilizado em materiais de decoração. "US resistant board"

A Melamina é usada na produção industrial e não pode ser ingerida.

2. Porque é que adicionam Melamina no leite em pó?
O mais importante nutriente do leite é a proteína, e a Melamina tem a mesma proteína que contem Nitrogénio.

Ao adicionar-se Melamina ao leite, reduz-se a quantidade de leite e fica mais barato, e assim diminuem os custos de produção e aumentam o lucro.

3. Quando se descobriu a sua adição na alimentação?
Em 2007, nos Estados Unidos, case e gatos começaram a morrer subitamente, e descobriram que a comida para animais fabricada na China continha Melamina.

No início de 2008, na China, houve um aumento anormal de casos de crianças com pedras nos rins.

Em Agosto de 2008, o leite em pó chinês Sanlu acusou Melamina.

Em Setembro de 2008, o governo da Nova Zelândia solicitou à China que verificasse este problema
A 21 de Setembro de 2008, muitos produtos alimentares acusaram Melamina, em Taiwan.

4. O que acontece quando a Melamina é digerida?
A Melamina permanece nos rins, formando pedras que bloqueiam o seu funcionamento.
A dor instala-se, a pessoa não consegue urinar e os rins incham.

Embora as pedras nos rins possam ser eliminadas cirurgicamente, a Melamina pode causar danos irreversíveis nos rins. Pode levar à perda da função renal e implicar diálise diária ou levar à morte por uremia.
O que é a diálise? É uma "lavagem ao sangue", é a filtragem de todo o sangue por uma máquina, voltando depois ao corpo.

O processo de diálise demora quarto horas e é necessário fazê-la de 3 em 3 dias para o resto da vida.

É necessário um orifício no braço para inserir o cateter.

Porque é que é mais grave nos bebes? Porque os rins são muito pequenos e os bebes bebem muito leite em pó.
Bebe fazendo diálise.

Atualmente estão cerca de 13.000 crianças hospitalizadas na China
Não interessa quanta Melamina é ingerida, o importante é que NÂO seja ingerida.

5.Quais os alimentos a evitar?
Lacticínios ou alimentos que os contenham devem ser evitados.

Lembre-se, alimentos com natas ou leite devem ser evitados.

O que fazer?
Evite os produtos abaixo por seis meses, pelo menos.
Se tem um snack bar, café ou restaurante, não venda lacticínios por enquanto.
Se tem crianças, mude para leite materno ou encontre outros substitutos.
Finalmente, divulgue esta informação, para que as pessoas conheçam os riscos de envenenamento por Melamina no leite.
O mundo está apreensivo com os produtos fabricados no mercado negro chinês. Como se diferenciam os produtos chineses dos feitos noutros países?
Os primeiros 3 dígitos do código de barras indicam o país onde foram feitos.
Exemplo – todos os códigos de barras que se iniciem por 690, 691, 692 até 695 são Made in China, e os que começam por 471 são Made in Taiwan.


Atualmente, os fabricantes chineses sabem que os consumidores estão a evitar os produtos "made in China", pelo que estão a esconder de onde vêm os produtos.
Contudo, pode utilizar a referência dos códigos de barras.

Lembre-se, se os 3 primeiros dígitos são entre o 690 e o 695, o produto foi feito na China.
00 ~ 13 EUA & CANADA
30 ~ 37 FRANÇA
40 ~ 44 ALEMANHA
49 ~ JAPAO
50 ~ REINO UNIDO
57 ~ DINAMARCA
64 ~ FINLANDIA
76 ~ SUIÇA E LIENCHTENSTEIN
628 ~ ARÁBIA SAUDITA
629 ~ EMIRADOS ÁRABES UNIDOS
740 ~ 745 - AMÉRICA CENTRAL
Todos os códigos 480 são produtos feitos nas Filipinas. Fernando Azevedo



TQD, Lda.

Av. 25 de Abril, 279

2710-251 Sintra

Tel: +351 219 245 529

Fax: +351 219 245 509

f.azevedo@tqd-pt.com

AS MINEIRAS – Carlos Drummond de Andrade

O sotaque das mineiras deveria ser ilegal, imoral ou engordar.
Porque, se tudo que é bom tem um desses horríveis efeitos colaterais, como é que o falar, sensual e lindo ficou de fora?
Porque, Deus, que sotaque!

Mineira devia nascer com tarja preta avisando: ouvi-la faz mal à saúde.
Se uma mineira, falando mansinho, me pedir para assinar um contrato doando tudo que tenho, sou capaz de perguntar: só isso? Assino achando que ela me faz um favor.

Eu sou suspeitíssimo. Confesso: esse sotaque me desarma.
Certa vez quase propus casamento a uma menina que me ligou por engano, só pelo sotaque.
Os mineiros têm um ódio mortal das palavras completas. Preferem, sabe-se lá por que, abandoná-las no meio do caminho (não dizem: pode parar, dizem: 'pó parar').

Os não-mineiros, ignorantes nas coisas de Minas, supõem, precipitada e levianamente, que os mineiros vivem – lingüisticamente falando – apenas de uais, trens e sôs.

Digo-lhes que não. Mineiro não fala que o sujeito é competente em tal ou qual atividade. Fala que ele é bom de serviço. Pouco importa que seja um juiz de direito, um jogador de futebol ou um ator de filme pornô. Se der no couro - metaforicamente falando, claro - ele é bom de serviço.

Mineiras não usam o famosíssimo tudo bem.
Sempre que duas mineiras se encontram, uma delas há de perguntar pra outra: 'cê tá boa?'
Para mim, isso é pleonasmo. Perguntar para uma mineira se ela tá boa é desnecessário.

Vamos supor que você esteja tendo um caso com uma mulher casada.
Um amigo seu, se for mineiro, vai chegar e dizer:
Mexe com isso não, sô (leia-se: sai dessa, é fria, etc).
O verbo 'mexer', para os mineiros, tem os mais amplos significados. Quer dizer, por exemplo, trabalhar.
Se lhe perguntarem com que você mexe, não fique ofendido. Querem saber o seu ofício.
Os mineiros também não gostam do verbo conseguir. Aqui ninguém consegue nada. Você não dá conta.
Sôcê (se você) acha que não vai chegar a tempo, você liga e diz:
Aqui, não vou dar conta de chegar na hora, não, sô.

Esse 'aqui' é outro que só tem aqui.
É antecedente obrigatório, sob pena de punição pública, de qualquer frase.
É mais usada, no entanto, quando você quer falar e não estão lhe dando muita atenção: é uma forma de dizer, 'olá, me escutem, por favor'.
É a última instância antes de jogar um pão de queijo na cabeça do interlocutor.

Mineiras não dizem 'apaixonado por'.
Dizem, sabe-se lá por que, 'pêxonado com' . Soa engraçado aos ouvidos forasteiros. Ouve-se a toda hora: 'Ah, eu pêxonei com ele...'.
Ou: 'sou doida com ele' (ele, no caso, pode ser você, um carro, um cachorro).
Elas vivem apaixonadas 'com' alguma coisa.

Que os mineiros não acabam as palavras, todo mundo sabe. É um tal de 'bonitim', 'fechadim', e por aí vai.

Já me acostumei a ouvir: 'E aí, vão?'. Traduzo: 'E aí, vamos?'.
Não caia na besteira de esperar um 'vamos' completo de uma mineira. Não ouvirá nunca. Eu preciso avisar à língua portuguesa que gosto muito dela, mas prefiro, com todo respeito, a mineira. Nada pessoal.

Aqui certas regras não entram. São barradas pelas montanhas.

No supermercado, não faz muitas compras, ele compra
'um tanto de côsa'.
O supermercado não estará lotado, ele terá 'um tanto de gente'.
Se a fila do caixa não anda, é porque está 'agarrando' [aliás, 'garrando'] lá na frente. Entendeu? Agarrar é agarrar, ora!

Se, saindo do supermercado, a mineirinha vir um mendigo e ficar com pena,
suspirará: Ai, gente, que dó. É provável que a essa altura o leitor já esteja apaixonado pelas mineiras.

Não vem caçar confusão pro meu lado.
Porque, devo dizer, mineiro não arruma briga, mineiro 'caça confusão'.
Se você quiser dizer que tal sujeito é arruaceiro, é melhor falar, para se fazer entendido, que ele 'vive caçando confusão'.

Para uma mineira falar do meu desempenho sexual, ou dizer que algo é muitíssimo bom vai dizer: 'Ô, é sem noção'.
Entendeu, leitora? É sem noção! Você não tem, leitora, idéia do 'tanto de bom' que é. Só não esqueça, por favor, o 'Ô' no começo, porque sem ele não dá para dar noção do tanto que algo é sem noção, entendeu?

Capaz... Se você propõe algo e ela diz: capaz!!!
Vocês já ouviram esse 'capaz'? É lindo. Quer dizer o quê? Sei lá, quer dizer 'ce acha que eu faço isso'? com algumas toneladas de ironia...

Se você ameaçar casar com a Gisele Bundchen, ela dirá: 'Ô dó dôcê'.
Entendeu? Não? Deixa para lá.
É parecido com o 'nem...'. Já ouviu o 'nem...'?
Completo ele fica:- Ah, nem...
O que significa? Significa, amigo leitor, que a mineira que o pronunciou não fará o que você propôs de jeito nenhum. Mas de jeito nenhum.

Você diz: 'Meu amor, cê anima de comer um tropeiro no Mineirão?'.
Resposta: 'Nem...' Ainda não entendeu? Uai, nem é nem.

Leitor, você é meio burrinho ou é impressão?
A propósito, um mineiro não pergunta: 'você não vai?'.
A pergunta, mineiramente falando, seria: 'cê não anima de ir'?
Tão simples. O resto do Brasil complica tudo.

É, ué, cês dão umas volta pra falar os trem...
Falando em'ei...'.
As mineiras falam assim, usando, curiosamente, o 'ei' no lugar do 'oi'.
Você liga, e elas atendem lindamente: 'eiiii!!!', com muitos pontos de exclamação, a depender da saudade... Tem tantos outros...

O plural, então, é um problema. Um lindo problema, mas um problema.
Sou, não nego, suspeito.
Minha inclinação é para perdoar, com louvor, os deslizes vocabulares das mineiras.

Aliás, deslizes nada.
Só porque aqui a língua é outra, não quer dizer que a oficial esteja com a razão.
Se você, em conversa, falar: Ah, fui lá comprar umas coisas...
Que' s côsa? - ela retrucará.
O plural dá um pulo. Sai das coisas e vai para o que.

Ouvi de uma menina culta um 'pelas metade', no lugar de 'pela metade'.
E se você acusar injustamente uma mineira, ela, chorosa, confidenciará:
Ele pôs a culpa 'ni mim'.

A conjugação dos verbos tem lá seus mistérios em Minas...
Ontem, uma senhora docemente me consolou: 'prôcupa não, bobo!'.
E meus ouvidos, já acostumados às ingênuas conjugações mineiras, nem se
espantam. Talvez se espantassem se ouvissem um: 'não se preocupe', ou algo assim.

A fórmula mineira é sintética. E diz tudo.
Até o 'tchau' em Minas é personalizado.
Ninguém diz tchau pura e simplesmente.
Aqui se diz: 'tchau procê', 'tchau procês'.
É útil deixar claro o destinatário do tchau.
Então...

terça-feira 27 de janeiro de 2009


Já é quase sexta, falta pouco... huahauhau

segunda-feira, 26 de janeiro de 2009

historinha de macho...

Sobre ABSORVENTES FEMININOS, leia, é sério

AMIGAS, VALE A PENA A LEITURA

ATENÇÃO, MESMO QUE VOCÊ NÃO USE, DIVULGUE!!!

ONDE ANDA A ANVISA ?

LEIA COM ATENÇÃO....

Se você for uma mulher e usa absorvente, mas especificamente internos, leia este artigo e passe para suas amigas. (Para os homens que receberem este e-mail, por favor, repassem para suas esposas, irmãs, amigas, mães, filhas etc.).

Leia com atenção o rótulo do absorvente interno que você for comprar da próxima vez, e veja se você encontra alguns dos itens listados neste e-mail.
Não sabemos quantas mulheres no mundo sofrem de câncer cervical a tumores...

Você já ouviu falar que os fabricantes de absorventes internos usam asbestos (amianto) na fabricação de absorventes?

Por que eles fariam isto?

Porque asbestos fazem você sangrar mais; se você sangra mais, logo vai precisar de mais absorventes.

Por que isto não vai contra a lei, visto que asbestos são tão perigosos?

Porque os poderosos, com toda sua 'sabedoria', não consideram os absorventes internos como produtos alimentares e, portanto, não os consideram ilegais ou perigosos.

Na revista mensal ESSENCE há um pequeno artigo sobre isto e eles mencionam dois fabricantes de absorventes alternativos de algodão..

Essas companhias são: Organic Essential @ e Terra Femme @ . Infelizmente estes não estão disponíveis no Brasil.

Uma mulher que tem seu P.H.D na Universidade do Colorado/EUA, Boulder, escreveu o seguinte:

'Eu estou escrevendo isto porque as mulheres não são informadas sobre o perigo de alguns absorventes, algo que a maioria de nós utiliza. Eu estou dando aulas neste mês e eu tenho estudado muito sobre biologia e sobre a mulher, já que muito absorventes internos são realmente perigosos (por essa razão, ao discutirmos o assunto em classe, a maioria das mulheres ficou realmente brava e revoltada com os fabricantes de absorventes) , eu mesma decidi começar a fazer alguma coisa sobre isto....
Para começar, eu vou informar todas as mulheres que puder e enviar e-mail's rapidamente para todas que eu conheço'.

Ou seja, absorventes internos contêm duas substâncias potencialmente perigosas: rayon (para absorver), e dioxido (um produto químico usado para provocar sangramentos) .

O problema é que a dioxina produzida neste processo de sangramento pode trazer sérios problemas para as mulheres. Dioxina é potencialmente cancerígeno (câncer associado), é tóxico para o sistema imunológico e reprodutivo.

Também está associado à endometriose e à diminuição da contagem de esperma para os homens.

Ele quebra o sistema imunológico de ambos os sexos.

Em setembro último o EPA, Agência de Proteção ao Meio Ambiente, informou que é realmente inaceitável o nível de exposição da dioxina acumulada e a demora para desintegrar- se na natureza. O perigo real vem do contato repetitivo.

De Karem Couppers: 'Tampe as indústrias de Tampax'.

O rayon e a dioxina contribuem para o perigo dos absorventes. Quando as fibras do absorvente são introduzidas na vagina (como normalmente ocorre), ele cria um campo adequado para a dioxina, que permanece um tempo mais longo que um simples algodão.
Esta é também a razão pela qual a TSS(Síndrome do Choque Tóxico) ocorre.

Quais são as alternativas? Usar produtos para higiene feminina que não provocam sangramento e que sejam também de algodão. Outros produtos para higiene feminina (absorventes externos), contém dioxina , porém não são tão perigosos, pois não ficam em contato direto com a vagina.

Os absorventes externos precisam segurar o sangramento, mas obviamente, os internos são muito mais perigosos.

O que você pode fazer se você não pode deixar de usar absorventes internos?
Use absorventes internos 100% algodão,o que não provocam sangramento.

Infelizmente, poucas indústrias no mundo têm procurado produzir absorventes seguros (Sumga, Alemanha, Inglaterra,etc. ),enquanto que os EUA insistem em não divulgar este assunto..

Em 1989 ativistas na Inglaterra fizeram uma campanha contra sangramento provocado.
Após seis semanas e 50.000 cartas, os fabricantes de produtos para higiene substituíram os produtos maléficos por oxigênio (um dos métodos verdes à disposição, conforme informações da MS magazine, maio/junho 1995.

O que fazer agora? Diga ao povo, a cada um, informe-os..

Nós estamos sendo manipulados por estas indústrias e pelo governo! Vamos fazer alguma coisa sobre isto! Por favor, escreva às indústrias Tampax (Tambrands), Playtex, OB, e outros.

Ligue para os números de atendimento ao consumidor das embalagens.

Faça-os saber que nós exigimos produtos seguros -TODOS OS ABSORVENTES EM ALGODÃO!

LEMBRE-SE: Para não perder o impacto deste e-mail, sugiro que repassem para seus amigos e amigas, desta forma ele atingirá sua meta.. Por favor, faça isso por consideração e amor às mulheres!

* Rosana > >* Citogenética - Hematologia
Instituto central - HC -FMUSP

(11)30696175 r. 208
* Patrícia Diniz de Paula - Engenheira Agrônoma Seaapi-RJ

*Jacy F.Alves Dias – Bióloga EPM/ UNIFESP

CRBio 31578/01-D (11) 96076186

' Divulgar, um ato de coragem.'

E há muito tempo atrás, numa galáxia distante...