Pesquisar este blog

Follow by Email

Postagens populares

terça-feira, 1 de junho de 2010

aniversário da Marilyn Monroe








Em 1947 ela tingiu seu cabelo de loiro e se transformou em Marilyn Monroe (sobrenome de sua avó), e assim começava a gravar seu nome na história.

O primeiro papel de Marilyn em um filme foi a participação, em “The Shocking Miss Pilgrim”. Fez pequenas atuações até 1950, quando seu papel como Claudia Caswell em “All About Eve”, filme que estrelou Bette Davis, lhe rendeu muitos elogios. A partir daí, interpretou personagens cada vez mais importantes.

O sucesso de Marilyn no filme Niagara, que a tornou estrela de fato, proporcionou os papéis principais em "Os Homens Preferem as Loiras" e "Como Agarrar um Milionário". A revista Photoplay votou em Marilyn como melhor atriz iniciante de 1953, e aos 27 anos de idade, ela era sem dúvida a loira mais amada de Hollywood.
(Foto: Reprodução)

No dia 14 de janeiro de 1954, Marilyn se casou com o jogador de baseball Joe DiMaggio, em São Francisco, Califórnia. Mas a fama e a figura sensual de Marilyn se tornaram um problema em seu casamento, que terminou nove meses depois.

Em 1955, Marilyn queria se livrar da imagem de furacão loiro. Para isso mudou-se de Hollywood para Nova York para estudar na escola de atores de Lee Strasberg, onde conheceu o dramaturgo Arthur Miller, com quem se casou em 1965.

No mesmo ano, Marilyn abriu sua própria produtora, Marilyn Monroe Productions. A empresa produziu “O Príncipe Encantado” e “Nunca Fui Santa”. Esses dois filmes serviram para mostrar seu talento e versatilidade como atriz e lhe trouxeram elogios da crítica.

Com sua personagem na comédia musical “Quanto Mais Quente Melhor”, em 1959, ela ganhou o Globo de Ouro como Melhor Atriz na categoria Comédia. Mas mesmo no auge de seu sucesso, Marilyn começou a ter problemas com drogas, álcool e com seu marido.
Marilyn Monroe no filme "O Pecado Mora Ao Lado"

Depois de dois abortos e um caso com o ator italiano Yves Montand, seu casamento com Arthur Miller chegou ao fim. Mas o escritor deixou para a loira o papel principal em “Os Desajustados”, último filme completo de Marilyn.

No Golden Globes de 1962, Marilyn foi nomeada a personalidade feminina favorita de todo cinema mundial, mas poucas semanas depois foi cortada do elenco de “Somethings Gotta Give” por atrasos freqüentes e uso de drogas.
(Foto: Reprodução)

Na manhã do dia 5 de agosto do mesmo ano, aos 36 anos, Marilyn faleceu enquanto dormia em sua casa em Brentwood, Califórnia. A notícia chocou o mundo todo, e inúmeros boatos da causa de sua morte foram explorados pela mídia, inclusive o de que ela teria sido morta por interesses do FBI. Mas a versão oficial foi a de que Marilyn teria tido uma overdose.

No dia 8 de agosto de 1962, seu corpo foi velado no Corridor of Memories, nº 24, no Westwood Memorial Park em Los Angeles, Califórnia.

Durante sua carreira, Marilyn atuou em 30 filmes, sendo o mais marcante "O Pecado Mora Ao Lado", de 1955, que traz a famosa cena de seu vestido branco esvoaçante.

Mais do que uma estrela, ela foi um marco na história do cinema. A popularidade da diva ultrapassou as barreiras do tempo e está presente até hoje como figura pop.
Curiosidades:

Em 1999, Marilyn foi votada a mulher mais sensual do século 20 pela revista Playboy.

Em 1999, Marilyn foi votada a mulher mais sexy do mundo pela “People´s Magazine”.

Em 2009 a sepultura ao lado do túmulo de Marilyn foi leiloada, por uma viúva para pagar a hipoteca da casa, pelo valor de 4,6 milhões de dólares.

Hugh Hefner, criador da revista Playboy, também garantiu seu lugar próximo à estrela. Mas o empresário de 84 anos adquiriu seu túmulo por preço mais em conta: US$ 75 mil, em 1992.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente! Ajude-me a ficar ainda melhor!